ÚLTIMAS DA REDAÇÃO

VOCÊ ESTÁ EM: HOME / NOTÍCIAS /

Direto do Leitor

Cultura
Milton Flávio
Fotos: Fabrizzio Riente

Direto do Leitor

SEM LEGENDA

O Ano Novo Chinês  

em São Paulo

A cidade de São Paulo, assim como Nova Iorque e outros grandes centros urbanos que abrigam várias etnias, também têm diferentes expressões culturais ligadas às particularidades de cada país. No caso da capital paulista, a poderio de contagiar de maneira homogênea é ainda maior, a julgar pelas inúmeras festas que conquistam os corações de moradores e turistas. O publicitário Fabrizzio Riente, de São José do Rio Preto, passou por São Paulo durante as comemorações da chegada do Ano Novo Chinês, no último dia 22 de fevereiro.
O tradicional evento, que reúne chineses, seus descendentes, assim como toda a colônia japonesa, celebrou a chegada do ano 4.713 no calendário. “Tive o privilégio de vivenciar por algumas horas as comemorações, que aconteceram nos dias 21 e 22 de fevereiro, no tradicional bairro da liberdade. A atmosfera festiva remeteu a um banho de cultura oriental, que foi desde a apresentação de danças, artes marciais, até a vasta apresentação de sua gastronomia, que proporcionou degustações únicas. As lojas e os mercados de varejo, ao longo da rua, complementaram a experiência, uma vez que tive a possibilidade de adquirir produtos originários daquele que é um povo digno de muito respeito e admiração. Desde os tradicionais e incríveis picolés “melona”, que dão um “banho” de sabor em qualquer paleta mexicana da moda, até os temperos que dão exclusividade aos sabores dos pratos orientais. Havia em torno de 200 mil pessoas aproveitando as festividades. Via-se nos olhos de muitos a admiração pelo evento. É uma viagem ao oriente, sem, ao menos, sairmos de São Paulo. Uma aula dessa cultura milenar, que permanece inabalável, mesmo nos dias atuais”.

SEM LEGENDA

SEM LEGENDA





Veja Também